fbpx

A importância do consumo de cálcio e de vitamina D para crianças

1 minuto para ler

Cálcio: O alerta é para os pais de crianças a partir de dois anos. Nessa faixa etária, as crianças não tomam a quantidade ideal de leite por dia. A falta de cálcio pode causar uma defasagem de massa óssea e provocar osteoporose no futuro. O cálcio pode ser encontrado em outros alimentos além do leite. Tente oferecer derivados, como iogurte natural batido com uma fruta, queijo branco no lanche da escola ou patê de requeijão, por exemplo.

Vitamina D: Hoje a indicação é dar uma quantidade equivalente a 200 unidades/dia (duas gotas) de acetato de retinol e colecalciferol para crianças em aleitamento materno exclusivo ou não até os 18 meses de idade. A nova recomendação é o dobro desse valor para essa mesma faixa etária e até 600 unidades/dia para crianças maiores. A longo prazo, a falta dessa vitamina prejudica o armazenamento de cálcio no osso. Onde encontrar: leite, peixes e castanhas. Mas para que a substância seja absorvida pelo organismo é preciso tomar sol.

Posts relacionados

Deixe um comentário